quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Argentina de 1986: Maradona e mais dez

Hoje na rúbrica Dream Team, a grande equipa que será relembrada aqui no blogue Galáxia Futebolística será a Seleção da Argentina que venceu o Campeonato do Mundo de 1986, que se realizou no México.
A seleção argentina tinha chegado a este Mundial, disputado no México, como uma seleção menos favorita à conquista da Taça, de acordo com a opinião do povo argentino e o selecionador Carlos Bilardo tinha a "corda na garganta" e gerava alguma desconfiança no seio dos adeptos argentinos. Mas um grande jogador e um grande capitão soube motivar os colegas de equipa para fazerem um grande Campeonato do Mundo, que haveria de ser ganho em finais do mês de Junho. Esse grande jogador e capitão é, sem dúvida, Diego Armando Maradona, cuja equipa argentina foi construída à volta dele próprio. Mas vamos começar do princípio.
Esta Seleção da Argentina jogava num esquema tático de 5x3x2, com a baliza a ser entre ao guarda-redes Nery Pumpido e o quinteto defensivo a ser constituído por Tata Brown, que era o líbero,  e os defesas-centrais eram Cuciuffo e Oscar Ruggeri. Nas laterais, Giusti jogava no lado direito e o Basco Olarticoechea atuava no lado esquerdo argentino. Depois no meio-campo da seleção das Pampas, Batista jogava como médio mais defensivo, enquanto Negro Enrique e Burruchaga jogavam como médios que ligavam o meio-campo ao ataque daquela seleção. Por fim, o ataque era entregue a Diego Maradona e Jorge Valdano, em que o astro argentino jogava nas costas do então jogador do Real Madrid.  E foi mais ou menos com este onze que a Argentina partiu à conquista do Mundo, a partir do México naquele ano de 1986.
Neste Campeonato do Mundo de 1986, a Argentina tinha ficado no Grupo A com Itália, Bulgária e Coreia do Sul. No primeiro jogo, a seleção argentina defrontou a Coreia do Sul e acabou por vencer, por 3-1, com os golos argentinos a serem marcados por Jorge Valdano (duas vezes) e Oscar Ruggeri, num jogo em que os jogadores sul-coreanos "fartaram-se" de dar pancada nos jogadores argentinos. Na segunda ronda, do Grupo A, a Seleção da Argentina jogou diante da Itália, mas empatou nesse jogo (1-1). O golo da Argentina foi apontado por Diego Maradona e o  da Squadra Azzurra tinha sido marcado por Altobelli. Por fim, no terceiro jogo, a seleção das Pampas derrotou a Seleção da Bulgária, por 2-0, com os tentos a serem apontados por Jorge Valdano e Burruchaga.
Já na fase a eliminar, a Seleção da Argentina defrontou a Seleção do Uruguai e venceu por 1-0, com o golo a ser marcado por Pedrito Pasculli, seguindo assim para os quartos-de-final do Mundial de 1986. Nesses quartos-de-final desse Campeonato do Mundo, a Argentina defrontou a Inglaterra, vencendo por 2-1 e com os golos a serem marcados por Diego Maradona (dois dos maiores golos marcados em provas da FIFA) para os argentinos e por Gary Lineker para os ingleses. Logo depois, nas meias-finais, a seleção alviceleste jogou frente à Seleção da Bélgica (onde jogava Enzo Scifo, Franky Vercauteren ou Pfaff) e venceu por 2-0, com os golos a serem apontados por Diego Armando Maradona, novamente. E finalmente tinha chegado o dia 29 de Junho de 1986. O dia que ficou na história do futebol argentino. Argentina defrontou a Alemanha pelo cetro de Campeão do Mundo... e ganhou por 3-2. Os golos sul-americanos foram marcados por Tata Brown (que substituiu Daniel Passarella durante toda a prova), Jorge Valdano e Burruchaga, enquanto que os alemães marcaram os golos de honra através de Karl-Heinz Rummenigge e Rudi Völler. E assim, uma Seleção da Argentina, liderada por um grande capitão e jogador, venceu um Campeonato do Mundo contra todas as expetativas. Até ao momento mais nenhum jogador argentino ergueu a taça de Campeão do Mundo. Só Diego Armando Maradona.


O MELHOR GOLO DO MUNDIAL DE 1986

Diga lá outra vez...

Resultado de imagem para carlos carvalhal sheffield wednesday 

 «Acertámos no poste, na barra…»

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Bruno segura Bas Dost; Salvio: «Prontos para lutar até ao fim»; Nuno Espírito Santo: «Quero mais». 

 Record A Bola O Jogo

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Cédric Soares novamente na mira do Barcelona

Resultado de imagem para cedric soares southampton 

De acordo com o jornal britânico The Guardian, Cédric Soares, lateral-direito português que defende as cores dos ingleses do Southampton, está novamente na "lista de compras" do todo-poderoso Barcelona para reforçar a equipa culé na próxima temporada. Ainda de acordo com o tabloide inglês, os dirigentes do Barça têm vindo a acompanhar com muita frequência a evolução do lateral-direito, que foi Campeão Europeu ao serviço de Portugal. A informação recolhida agradou aos responsáveis blaugrana e nos próximos tempos chegará ao Southampton uma proposta de transferência do clube do Catalunha pelo internacional português. 


Qual é a vossa opinião acerca desta notícia? Cédric Soares poderá ser um bom reforço para o Barcelona? Comentem.

Diga lá outra vez...

Resultado de imagem para alan shearer 

«Eu segui o meu sonho, ele seguiu a carrinha dos hambúrgueres»

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Ardaiz na mira do leão; Mitroglou diz não à China; Prandelli aconselha "talento". 

Record A Bola O Jogo

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Super Totobola - Nova ronda





Finalizada a segunda jornada do concurso Super Totobola, seguir-se-á agora a terceira ronda deste mesmo concurso, que já vai na terceira edição. Espero que haja ainda mais concorrentes a participarem nesta jornada do concurso. As regras são as mesmas de sempre. 

- 3 pontos se adivinharem o resultado do jogo;

- 2 pontos se adivinharem, apenas, a vitória, o empate ou a derrota;

- 1 ponto por cada marcador dos golos; (é facultativo)

- 7 pontos se acertarem no resultado do jogo bónus; (colocar os marcadores no jogo bónus é facultativo)


Wolfsburgo - Werder Bremen
Bayern de Munique - Hamburgo
Darmstadt - Augsburgo
RB Leipzig - FC Köln 
Bayer Leverkusen - Mainz
Friburgo - Borussia Dortmund 
Hertha - Eintracht Frankfurt
Ingolstadt - Borussia M'Gladbach
Schalke 04 - Hoffenheim

Jogo Bónus: Leixões - Benfica B  

O prazo de validade das apostas termina na sexta-feira, dia 24 de Fevereiro, às 19:25. 


QUE COMECEM AS APOSTAS!!!