terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Lembram-se? - #34

LUÍS FIGO
Luís Figo - Sporting CP
Luís Figo - Barcelona
Luís Figo - Real Madrid

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Vingança; Marco Silva: "Acima de tudo está o Sporting"; Marco Silva: "Está na hora de respeitar os adeptos".   

   

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Leão vingou-se da derrota para a Liga

Guimarães-Sporting (LUSA/ Hugo Delgado)

V.GUIMARÃES 0-2 SPORTING CP
(Heldon 5' e Dramé 90'+5)

Hoje, no Estádio D.Afonso Henriques, o Sporting CP derrotou do Vitória de Guimarães, por 0-2, e assumiu a liderança do respetivo grupo da Taça da Liga. O destaque desta partida vai, claramente, para a boa exibição protagonizada pela equipa do Sporting CP, onde jogaram alguns jogadores menos usados e alguns futebolistas da Equipa B.  


GOLOS

5' - SPORTING CP: Golo de Heldon - Depois de uma excelente combinação entre Podence e Ricardo Esgaio, o lateral assiste o extremo cabo-verdiano que executa um remate de primeira para o fundo das redes defendidas por Douglas. Estava feito o 0-1. 

90'5 - SPORTING CP: Golo de Ousmane Dramé - Num contra-ataque letal, iniciado por Wallyson, a bola vai para os pés de Hadi Sacko e o extremo francês centra para a grande área onde, depois de um mau alívio da defensiva "vimaranense", aparece a Dramé a rematar de primeira e a fazer o 0-2 final. 


DESTAQUES

Hernâni - Esteve um pouco apagado no jogo de hoje.  

Bernard - Tal como Hernâni, o ganês também não esteve bem.  

Gui - Praticamente não fez nada de jeito.  

Alex - Conseguiu mexer com o jogo na segunda parte. 

Douglas - Não teve culpa nos golos sofridos e negou um grande golo ao Tanaka.  

Heldon - Marcou logo na primeira oportunidade e mostrou que merece mais chances. 

Wallyson - Entrou e também mexeu com o jogo, mas para o lado do Sporting CP. 

Dramé - Foi dele o golo que selou a vitória "leonina". 

Tobias Figueiredo - Este menino tem que ser titular IMEDIATAMENTE. 

Ryan Gauld - Foi evoluindo com o decorrer do jogo ajudando, inclusive, na defesa. 

Slavchev - Fez um péssimo jogo. 


FALAM OS TREINADORES...

Rui Vitória (V.Guimarães): «Domínio total sobre o Sporting na segunda parte» 

Marco Silva (Sporting CP): «Está na altura de pararmos com essa história de eu estar sisudo»  


FALAM OS JOGADORES...

Alex (V.Guimarães): «O Sporting foi mais eficaz»  

Marcelo Boeck (Sporting CP): «Só pensámos no jogo»  



Homem do jogo da parte do V.Guimarães: André André 
Homem do jogo da parte do Sporting CP: Tobias Figueiredo        

Para seguir... Caetano


Dos poucos jogadores talentosos que o Gil Vicente, último classificado da Primeira Liga, apresenta no seu plantel muito fraco, apenas Caetano se distingue dos restantes elementos que estão às ordens de treinador José Mota. Este jovem craque português, de 23 anos, é um jogador que possui uma boa capacidade de passe, seja curto ou longo, é um futebolista bastante veloz, sabe como se deve movimentar no terreno de jogo, é um atleta que demonstra muita classe com a bola nos pés dentro do campo, possui um bom remate de longa distância, apresenta uma boa capacidade de criatividade, 
é dono de um excelente sentido posicional, possui uma boa capacidade de finta que lhe permite desembaraçar-se dos seus adversários e apresenta uma excelente capacidade de finalização. Aos 23 anos, Caetano mostra-se mais maduro desde a sua passagem pelo Paços de Ferreira e o seu talento demonstrado, esta época, prova que este grande jogador merece um clube de outra dimensão, pois o Gil Vicente começa a ser um clube demasiado pequeno para ter um jogador desta qualidade. Se continuar a exibir-se em grande nível pelo conjunto de Barcelos, Caetano poderá render aos cofres do Gil Vicente um bom encaixe financeiro e poderá "dar o salto" para um dos "três grandes", por exemplo, ou ir para um campeonato mais competitivo. Este craque português poderá ser mais uma opção para o selecionador Fernando Santos ter em conta para o futuro da Seleção Nacional. Os dirigentes dos "três grandes", se não andarem de "olhos tapados", poderão tentar adquirir este magnífico jogador para os seus respetivos clubes. É mais um craque português made in Portugal.


A FICHA

Nome: Rui Miguel Teixeira Caetano  
Idade: 23 anos
Posição: Extremo-Esquerdo  
Clube: Gil Vicente   
Valor de Mercado: 1.700.000 euros 

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Leonardo Jardim: "Não vejo motivos para despedir Marco"; Salvio encanta Jesus; Palco aos reforços de Bruno. 

  

domingo, 28 de dezembro de 2014

Sp.Covilhã dominador conquistou os primeiros três pontos na Taça da Liga


SP.COVILHÃ 2-1 GIL VICENTE
(Diogo Coelho 10' e Djikiné 36'; Caetano 34')

Hoje, no Estádio Municipal José Santos Pinto, o Sporting da Covilhã recebeu e venceu o Gil Vicente, por 2-1, em jogo a contar para a fase de grupos da Taça da Liga. O destaque desta partida vai, claramente, para a excelente exibição do Sporting da Covilhã e para o jogo desastroso da equipa de Barcelos. 


GOLOS

10' - SP.COVILHÃ: Golo de Diogo Coelho - Após a marcação de um livre por João Traquina, o defesa-central português, emprestado pelo Nacional da Madeira, cabeceou para o fundo das redes gilistas defendidas por Caleb. Estava feito o 1-0.    

34' - GIL VICENTE: Golo de Caetano - No único lance de perigo do Gil Vicente, o pequeno jogador dos gilistas apareceu no coração da área e meteu a bola na baliza protegida pelo veterano guarda-redes Pedro Taborda, restabelecendo o empate no jogo (1-1). 

36' - SP.COVILHÃ: Golo de Djikiné - Um minuto depois novo golo dos "leões da serra". Após uma grande confusão na área do Gil Vicente, o médio Djikiné cabeceou para o funda da baliza defendida pelo norte-americano Caleb, colocando o resultado final em 2-1.    


DESTAQUES

Diogo Coelho - O jogador português esteve sempre seguro na defesa e até marcou um golo. 

Djikiné - Tal como o Diogo Coelho, também Djikiné esteve muito bem no jogo.    

João Traquina - Mais uma vez voltou a fazer as suas traquinices no relvado. 

Erivelto - O goleador dos "serranos" desta vez esteve em branco.  

Caetano - Foi o único jogador do Gil Vicente que soube causar perigo à baliza de Taborda. 

Caleb - Um dos piores guarda-redes presentes nesta edição da Taça da Liga. Muito mau.   



Homem do jogo da parte do Sp.Covilhã: João Traquina  
Homem do jogo da parte do Gil Vicente: Caetano   

Lapidar - #28


Nilson: «Vou voltar ao antigamente e defender sem luvas»


Qual é a vossa opinião acerca desta frase dita por Nilson, ex-guarda-redes do Vitória de Guimarães na época 2010/2011, após a explicação de Vítor Pereira sobre o lance que deu o segundo golo ao Sporting CP frente ao Vitória de Guimarães? Comentem.       

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Acabou!; Marco quer jogadores fora da guerra; Izmailov: "Bruno de Carvalho convidou-me para ser bandeira eleitoral".  

  

sábado, 27 de dezembro de 2014

Quem deve vencer a Bola de Ouro? - Resultados

 Está concluída a votação sobre quem deve vencer a tão prestigiada Bola de Ouro. E o vencedor nem sequer causa estranheza! Num total de 8 votos nesta sondagem, o vencedor da votação é o português Cristiano Ronaldo (Real Madrid), que amealhou 62% dos votos dos leitores (5 votos). CR7 ficou à frente do arquirrival Lionel Messi (Barcelona) e do alemão Manuel Neuer (Bayern de Munique), ambos com 25% dos votos dos leitores do blogue (2 votos). 

RESULTADO 

Cristiano Ronaldo = 62% 
Lionel Messi = 25%
Manuel Neuer = 25%    










Qual é a vossa opinião acerca desta votação? Cristiano Ronaldo ganhará mesmo a Bola de Ouro? Ou será o argentino Lionel Messi? Ou poderá ser o alemão Manuel Neuer? Comentem.    

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Júlio César: "Jesus espreme jogadores ao máximo"; Jorge Jesus - Homem do Ano; Miguel Herrera: "Herrera cresceu muito com Lopetegui". 

  



sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Grandes Lendas: Adriano


Conhecido no mundo do futebol por Imperador, este jogador foi um dos melhores (senão mesmo o melhor) goleador brasileiro que passou pelo exigente futebol italiano nos seus tempos áureos. O seu nome é Adriano e é a grande lenda escolhida de que irei na rúbrica.    


INÍCIO NO MENGÃO  
Adriano Leite Ribeiro nasceu no dia 17 de Fevereiro de 1982 na cidade brasileira do Rio de Janeiro - uma das cidades mais importantes do Brasil. O jovem Adriano começou a sua aventura como futebolista profissional no Flamengo, onde jogou ao lado de nomes como, por exemplo, Mehmet Aurélio, Dejan Petkovic, Felipe Melo, Alanzinho ou, até, Júlio César (iriam ser colegas no Inter de Milão), tendo sido treinado por três treinadores: Mário Zagallo, Carpegiani e Carlos Alberto Torres. Neste início de carreira, ao nível profissional, Adriano permaneceu duas épocas como jogador do Mengão (2000, 2001).   












DE MILÃO PARA FLORENÇA  
Depois de brilhar com a camisola do Flamengo, Adriano, na época 2001/2002, rumou até Itália, onde assinou contrato com arquirrival do AC Milan - o Inter de Milão. No Giuseppe Meazza, Adriano foi colega de equipa de grandes jogadores como, por exemplo, Francesco Toldo, Iván Córdoba, Javier Zanetti, Álvaro Recoba, Dario Simic ou Ronaldo, o Fenómeno, tendo sido treinado pelo técnico Héctor Cúper. Na mesma temporada, Adriano rumou até à cidade de Florença para jogar na Fiorentina, por empréstimo do Inter de Milão. Na equipa de Florença, Adriano jogou 15 jogos e apontou 6 golos, não tendo ganho qualquer competição com o conjunto viola










CHEGADA AO PARMA  
Na temporada 2002/2003, Adriano assinou contrato pelo Parma, onde jogou com futebolistas como, por exemplo, Sébastien Frey, Daniele Bonera, Vince Grella, Marco Donadel, Mark Bresciano ou Alberto Gilardino, tendo sido treinado por um grande treinador: Cesare Prandelli. Ao serviço do Parma, o Imperador jogou 42 jogos e marcou cerca de 27 golos, mas não ganhou qualquer título desportivo pelo Parma. Adriano permaneceu no Parma durante duas épocas e meia (2002/2003, 2003/2004).













IMPERADOR E ÍDOLO EM MILÃO    
A meio da época 2003/2004, Adriano decidiu trocar o Parma pelo Inter de Milão e regressou ao Giuseppe Meazza. No seu regresso a Milão, o Imperador jogou ao lado de grandes craques como, por exemplo, Júlio César, Maicon, Maxwell, Luís Figo, Patrick Vieira, Olivier Dacourt, Hernán Crespo ou Zlatan Ibrahimovic, tendo sido treinado sempre pelo italiano Roberto Mancini. Como jogador do Inter de Milão, onde se tornou num ídolo para os adeptos nerazzurri, Adriano jogou, na totalidade, 180 partidas no Calcio e marcou 79 golos, tendo conquistado 4 Campeonatos italianos, 2 Taças de Itália e 3 Supertaças de Itália. Adriano permaneceu no Giuseppe Meazza durante cinco temporadas consecutivas (2003/2004, 2004/2005, 2005/2006, 2006/2007, 2007/2008). 

    






DO BRASIL PARA ITÁLIA
Em 2008, Adriano foi emprestado, pelo Inter de Milão, aos brasileiros do São Paulo. No Morumbi, Adriano partilhou o balneário com grandes nomes do futebol brasileiro e mundial como, por exemplo, o guarda-redes goleador Rogério Ceni, Miranda, Hernanes, Dagoberto ou Éder Luís, tendo sido treinado por Muricy Ramalho. Pelo São Paulo, Adriano jogou 28 partidas e marcou cerca de 17 golos no regresso ao Brasil, tendo ganho 1 Campeonato brasileiro. A meio da época 2008/2009, Adriano regressou ao Inter de Milão, treinado por José Mourinho, e jogou ao lado de nomes como, por exemplo, Walter Samuel, Marco Materazzi, Pelé, Francesco Bolzoni, Mario Balotelli ou Ricardo Quaresma.    










REGRESSO AO FLAMENGO 
Em 2009, Adriano regressou ao clube onde começou a nível profissional - o Flamengo. Naquela altura, Adriano partilhou o balneário do Maracanã ao lado de jogadores de futebol como, por exemplo, o guarda-redes brasileiro Bruno, Léo Moura, Maxwell, Ibson, Airton, Claudio Maldonado, Obina ou Emerson. Ao serviço do Flamengo, Adriano jogou, na totalidade, 81 jogos e apontou 43 golos, tendo ganho 1 Campeonato brasileiro e 1 Campeonato Carioca. Voltou a permanecer duas épocas no Mengão (2009. 2010). 












MUDANÇA PARA ROMA
Na temporada 2010/2011, Adriano saiu do Flamengo e regressou a Itália, onde assinou pela AS Roma, onde privou com nomes como, por exemplo, Doni, Cicinho, Philippe Mexès, John Arne Riise, os irmãos Burdisso, Júlio Baptista, Francesco Totti, Mirko Vucinic, Jérémy Ménez ou David Pizarro, tendo sido orientado por Claudio Ranieri e Vincenzo Montella. Como jogador da AS Roma, Adriano jogou 8 jogos e não apontou qualquer golo pela equipa romana. 













PRÓXIMO CLUBE: CORINTHIANS 
Em 2011, Adriano saiu da AS Roma e viajou de volta para o Brasil, onde assinou contrato com o Corinthians, onde foi companheiro de equipa de jogadores como, por exemplo, Carlos Alberto, Roberto Carlos, Paulinho, Bruno César, Emerson, Liedson ou Ronaldo, o Fenómeno, tendo sido treinado pelo brasileiro Tite. Pelo Corinthians, Adriano jogou 7 partidas e apontou, apenas, 2 golos, mostrando muito pouca dedicação dentro das quatro linhas. Permaneceu no Timão durante duas épocas (2011, 2012). 













NOVA OPORTUNIDADE
Este ano, em 2014, Adriano assinou pelo Atlético Paranaense, onde foi colega de equipa de futebolistas como, por exemplo, Lucas Olaza, Fran Mérida, Douglas Coutinho, Jean Filipe, Otávio, Carlos Alberto ou Dellatorre, tendo sido treinado, primeiro, por Doriva e, depois, por Miguel Ángel Portugal. Como jogador do Atlético Paranaense, Adriano realizou 4 partidas e marcou, apenas, 1 golo, não tendo ganho nenhum troféu desportivo.  














UM DOS GOLEADORES DO ESCRETE  
Pela seleção brasileira, Adriano registou 48 internacionalizações e marcou cerca de 26 golos, tendo marcado presença na Copa América de 2004, na Taça das Confederações de 2003 e 2005, no Campeonato do Mundo de 2006 (Alemanha) e nas fases de qualificação para os Mundiais de 2002, 2006 e 2010. Pelas camadas jovens do Escrete, Adriano jogou no Mundial de Sub-17 de 1999 e no Mundial de Sub-20 de 2001. Pela Seleção do Brasil, o Imperador conquistou 1 Copa América, 1 Taça das Confederações e 1 Mundial de Sub-17.   

Atualmente, com 32 anos, Adriano está prestes assinar contrato com o modesto clube francês, da Ligue 2, Le Havre. 








Qual é a vossa opinião acerca deste jogador? Adriano poderia ter sido um avançado ainda melhor do que foi? Comentem. 

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Jorge Jesus: "Gostava de repetir a conquista de 4 troféus pelo Benfica"; Decisão; Fernando Gomes: "Futebol precisa de FC Porto, Benfica e Sporting juntos". 

  

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

FELIZ NATAL!!!


O blogue Galáxia Futebolística deseja a todos os seus leitores, em Portugal e no resto do Mundo, um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo. 

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Portugal no coração; Mukhtar chega já em Janeiro; Sucessão em marcha. 

   

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Para seguir... Talocha


No jogo entre Sporting Clube de Portugal e o Futebol Clube de Vizela, a contar para os oitavos-de-final da Taça de Portugal, houve um jogador do Vizela, para além do Fininho, que deu "água pela barba" à defesa do Sporting CP: João Carlos Araújo Fonseca Silva, mais conhecido por Talocha. Este lateral-esquerdo, de 25 anos, conseguiu marcar dois golos ao Sporting CP, de Marco Silva, e assumir-se como a grande figura de um "frágil" Vizela. A grande entrega demonstrada em campo por este jogador prova que no Campeonato Nacional de Seniores também há grandes jogadores prontos para dar o "salto" para a Primeira ou Segunda Liga. As equipas da Primeira Liga em vez de gastarem o pouco dinheiro existente em estrangeiros de qualidade duvidosa deviam apostar mais nestes jogadores que demonstram muito maior profissionalismo e "amor à camisola" em divisões inferiores. Talocha merece, sem sombra de dúvidas, dar o "salto" para uma equipa de outra dimensão do nosso futebol português. Aos 25 anos de idade, Talocha ainda apresenta uma boa margem de progressão e qualquer treinador não teria dificuldades em incorporá-lo no onze titular de qualquer equipa da Primeira Liga. Decorem o nome deste jogador, porque João Carlos Araújo Fonseca Silva, ou Talocha como é conhecido no mundo do futebol, porque este jogador vai ainda dar muito que falar no Campeonato Nacional de Seniores com as cores do Futebol Clube de Vizela. Talocha é mais um grande jogador que vai brilhando nos relvados amadores do Campeonato Nacional de Seniores.   


A FICHA

Nome: João Carlos Araújo Fonseca Silva 
Idade: 25 anos 
Posição: Lateral-Esquerdo 
Clube: Vizela 
Valor de Mercado: Desconhecido  

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Resposta com raça; Vizinhos sofredores; Por linhas tortas.