sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Clássico equilibrado acaba empatado

Sporting vs FC Porto (LUSA)

SPORTING CP 1-1 FC PORTO
(Jonathan Silva 2'; Naby Sarr 56' (AG))

Hoje, no Estádio de Alvalade, o Sporting CP recebeu o FC Porto e empatou o jogo (1-1). O destaque desta partida vai, claramente, para o golo de Jonathan Silva, para o autogolo de Naby Sarr e para a boa exibição das duas equipas. 


GOLOS

2' - SPORTING CP: Golo de Jonathan Silva - Numa grande jogada da equipa "leonina", André Carrillo cruza do lado direito e o lateral-esquerdo argentino ganha a posição na área portista e cabeceia para a baliza de Fabiano Freitas. Estava feito o 1-0.     

56' - FC PORTO: Autogolo de Naby Sarr - Danilo cruza no lado direito e o defesa-central francês, ex-Olympique de Lyon, tenta cortar a bola e, de forma infeliz, coloca a bola na baliza do Sporting CP, fazendo o 1-1 final. 


DESTAQUES

João Mário - Este menino é o maestro dos "leões". Já devia de estar na Seleção Nacional.     

Nani - Esteve impecável no jogo desta noite.  

Jonathan Silva - O lateral-esquerdo argentino já ameaça o lugar de Jefferson.  

Naby Sarr - À exceção do autogolo, o jogador gaulês esteve impecável no resto do jogo. 

Cristian Tello - Conseguiu algum brilho na segunda parte.

Jackson Martínez - Esteve em campo.  



Homem do jogo da parte do Sporting CP: João Mário  
Homem do jogo da parte do FC Porto: Hector Herrera 

domingo, 21 de setembro de 2014

Leão foi rei em Barcelos

Gil Vicente vs Sporting (Lusa)

GIL VICENTE 0-4 SPORTING CP
(Adrien Silva 10', Nani 12', Slimani 69' e André Carrillo 84')

Hoje, no Estádio Cidade de Barcelos, o Sporting CP "esmagou" a equipa do Gil Vicente por uns expressivos 0-4, colocando um fim aos constantes empates que a equipa "leonina" vinha acumulando. O destaque desta partida vai, claramente, para os golaços de Adrien Silva e Nani e para a excelente exibição coletiva do Sporting CP.  


GOLOS

10' - SPORTING CP: Golo de Adrien Silva - Depois de um passe de Islam Slimani, o médio luso-francês, em zona frontal, rematou uma "bomba" para a baliza defendida por Adriano Facchini. Estava feito o 0-1. 

12' - SPORTING CP: Golo de Nani - Numa grande combinação entre o ex-médio do Manchester United e Adrien Silva, em zona frontal, o médio português passou de calcanhar para o extremo e este disferiu um remate forte que não deu hipóteses a Adriano Facchini, fazendo o 0-2. 

69' - SPORTING CP: Golo de Islam Slimani - João Mário executa um excelente passe a isolar o ponta-de-lança argelino e este a bater o guarda-redes brasileiro do Gil Vicente, colocando o resultado em 0-3 para os "leões". 

84' - SPORTING CP: Golo de André Carrillo - No lado esquerdo, Nani lança o jovem João Mário na área "gilista" e este toca para o lado, com o extremo peruano, de carrinho, a empurrar o esférico para a baliza completamente escancarada, fazendo o 0-4 final. 


DESTAQUES

Adriano Facchini - É dos piores guarda-redes que jogam em Portugal.  

Defesa do Gil Vicente - A defesa "gilista" parecia um queijo suíço. 

Adrien Silva - Marcou um dos grandes golos desta jornada. 

Nani - Marcou também o outro golo do dia.   

Rui Patrício - Completou o jogo 200 na Liga e não sofreu qualquer golo. 

João Mário - Simplesmente genial, este jogador. 



Homem do jogo da parte do Gil Vicente: Simy  
Homem do jogo da parte do Sporting CP: João Mário     

Lapidar - #16


Jorge Jesus: «Conheciam tanto o Talisca como eu conheço o d'Artagnan»

Qual é a vossa opinião acerca desta frase dita por Jorge Jesus, acerca de Talisca, em resposta a José Mourinho, treinador do Chelsea? Comentem.    

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Urgente ganhar; Marco Silva: "Urgência de ganhar"; Na hora de Tello.   

  

sábado, 20 de setembro de 2014

Grandes Lendas: Paolo Maldini


Este jogador foi um dos melhores defesas-centrais que passou pelo futebol italiano, no particular, e  no futebol mundial, no geral. Este excelente jogador demonstrava um grande amor à camisola por ter ficado várias épocas consecutivas no AC Milan. Caros leitores, apresento-vos o italiano Paolo Maldini. 


INÍCIO E FIM EM MILÃO
Paolo Cesare Maldini nasceu no dia 26 de Junho de 1968 na cidade italiana de Milão e começou e acabou a sua carreira num dos clubes da cidade milaneza - o AC Milan. No balneário de San Siro, Paolo Maldini cruzou-se com muitos "monstros do futebol mundial" como, por exemplo, Dida, Franco Baresi, Kaká, Paulo Futre, Ruud Gullit, Marco van Basten, Frank Rijkaard, Clarence Seedorf, Filippo Inzaghi ou Andriy Shevchenko. Ao serviço do AC Milan, Paolo Maldini jogou, na totalidade, 902 jogos e apontou, cerca de 33 golos, tendo ganho 2 Taças Intercontinentais, 1 Campeonato do Mundo de Clubes, 5 UEFA Champions League, 5 Supertaças Europeias, 7 Campeonatos italianos, 1 Taça de Itália e 5 Supertaças de Itália. Maldini ficou 27 épocas, como jogador do AC Milan, em San Siro.   








PEÇA-CHAVE NA SELEÇÃO AZZURRA  
No que diz respeito à Seleção de Itália, Paolo Maldini registou 126 internacionalizações e marcou, pela equipa transalpina, 7 golos. O capitão do AC Milan marcou presença no Campeonato do Mundo de 1990 (Itália), de 1998 (França), de 1994 (EUA) e de 2002 (Coreia do Sul/Japão). Marcou também presença no Campeonato da Europa de 1996 (Inglaterra), de 1988 (Alemanha), de 2000 (Bélgica/Holanda) e nas respetivas fases de qualificação para os Mundiais e Europeus, acima referidos. A nível individual, Paolo Maldini foi duas vezes terceiro classificado na Bola de Ouro (1994, 2003), foi segundo classificado no prémio Jogador FIFA (1995) e ganhou o prémio World Soccer (1994).  

Atualmente, com 46 anos, Paolo Maldini permanece retirado do futebol mundial, depois de ter "pendurado as botas". 








Qual é a vossa opinião acerca deste magnífico jogador? Paolo Maldini será sempre um dos melhores defesas-centrais do Mundo? Quem poderá ser melhor que o grande Maldini? Comentem.  

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Marco firme; Jesus segura Jardel; Jackson agradece os reforços. 

  

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Mourinho arrasa Jesus; Jonas - o remédio para o ataque; Brahimi: "Esta equipa facilita-me muito a vida". 

   

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Craques da 1ª Liga: Júlio César


Considerado por muitos como um dos melhores guarda-redes de todos os tempos a atuar na Europa, este jogador encontra-se numa fase descendente da sua carreira e prova disso foram os sete (sim, sete) golos sofridos perante uma "Super Alemanha". O seu nome é Júlio César e é a sombra de Artur Moraes. 


INÍCIO NO FLAMENGO  
Júlio César Soares de Espíndola nasceu no dia 3 de Setembro de 1979 na cidade brasileira do Rio de Janeiro. Júlio César começou a sua carreira no mundo do futebol no Flamengo, onde privou com jogadores como, por exemplo, Alanzinho, Jean, Fabinho, Ibson ou Felipe Melo. Enquanto foi jogador do Flamengo, Júlio César jogou, na totalidade, 163 jogos pela equipa brasileira, tendo conquistado 1 Copa dos Campeões Regionais, 4 Campeonatos Cariocas e 1 Copa Mercosul. Permaneceu no Estádio Maracanã durante oito temporadas consecutivas (1997, 1998, 1999, 2000, 2001, 2002, 2003, 2004).    











REI EM ITÁLIA 
Depois de brilhar com as cores do Flamengo, Júlio César, na época 2004/2005, assinou pelo Inter de Milão, mas o clube milanês emprestou-o ao Chievo Verona, onde foi colega de futebolistas como, por exemplo, John Mensah, Ivone De Franceschi ou Amauri. Pelo Chievo Verona, Júlio César não conquistou qualquer título desportivo. Na época seguinte, em 2005/2006, Júlio César regressou ao Inter de Milão e afirmou-se como rei da baliza nerazzurri e jogando com craques como, por exemplo, Luís Figo, Mario Balotelli, Adriano, Zlatan Ibrahimovic, Pelé ou Maicon. Pelo Inter de Milão, Júlio César jogou, na totalidade, cerca de 300 jogos e ganhou 1 Mundial de Clubes, 1 Liga dos Campeões, 5 Campeonatos italianos, 3 Taças de Itália e 4 Supertaças de Itália. Ficou no Inter de Milão durante sete temporadas (de 2005/2006 a 2011/2012).    








CHEGADA A INGLATERRA
Após ser rei e senhor em Itália, Júlio César mudou-se para Inglaterra e assinou contrato com o modesto Queens Park Rangers, onde partilhou o balneário com jogadores como, por exemplo, Robert Green, Armand Traoré, Park Ji-Sung, Esteban Granero, Djibril Cissé, Adel Taarabt ou Loïc Rémy. Ao serviço do Queens Park Rangers, Júlio César jogou, na totalidade, 27 partidas no futebol inglês. Ficou, apenas, duas épocas no Queens Park Rangers (2012/2013, 2013/2014). 














VIAGEM PARA O CANADÁ 
A meio da época 2013/2014, Júlio César foi emprestado, pelo Queens Park Rangers, aos canadianos do Toronto FC, onde privou com jogadores de futebol como, por exemplo, Steven Caldwell, Gilberto, Dominic Oduro, Bradley Orr ou Luke Moore. Pelo Toronto FC, Júlio César jogou, apenas, 7 jogos e foi treinado por Ryan Nelsen, que já jogou no futebol inglês. 















NOVO DESTINO: PORTUGAL 
Depois de uma passagem muito fugaz pelo Canadá, Júlio César, nesta época 2014/2015, assinou pelo Benfica, onde é colega de equipa de jogadores como, por exemplo, Nicolás Gaitán, Toto Salvio, Lima, Paulo Lopes, Luisão, Maxi Pereira, Eliseu ou Anderson Talisca. Pelo Benfica, Júlio César ainda não se estreou estando prevista a sua estreia no jogo com o Moreirense, em pleno Estádio da Luz, devido à situação crítica de Artur Moraes.    














TITULAR NA BALIZA "CANARINHA" 
No que diz respeito à Seleção do Brasil, Júlio César regista, até ao momento, 87 internacionalizações, tendo marcado presença no Campeonato do Mundo de Sub-20 de 1999, no Campeonato do Mundo de Sub-17 de 1995, na Copa América 2011 e 2004, na Taça das Confederações de 2003, 2009 e 2013 e nos Campeonatos do Mundo de 2006 (Alemanha), de 2010 (África do Sul) e de 2014 (Brasil). Pelo "Escrete", Júlio César ganhou 2 Taças das Confederações e 1 Copa América.














A FICHA





  




Nome: Júlio César Soares de Espíndola  
Idade: 35 anos
Data de Nascimento: 3/09/1979
Local de Nascimento: Rio de Janeiro, Brasil
Altura: 1,86m
Peso: 79 kg
Posição: Guarda-Redes
Clube: SL Benfica

TRAJETÓRIA    

1997: Flamengo
1998: Flamengo
1999: Flamengo
2000: Flamengo
2001: Flamengo
2002: Flamengo
2003: Flamengo
2004: Flamengo
2004/2005: Chievo Verona (empréstimo)
2005/2006: Inter de Milão
2006/2007: Inter de Milão
2007/2008: Inter de Milão
2008/2009: Inter de Milão
2009/2010: Inter de Milão
2010/2011: Inter de Milão
2011/2012: Inter de Milão
2012/2013: Queens Park Rangers
2013/2014: Queens Park Rangers
2014: Toronto FC (empréstimo)
2014/2015: SL Benfica  

PALMARÉS 

1 Campeonato do Mundo de Clubes (2010)
2 Taças das Confederações (2009, 2013)
1 UEFA Champions League (2009/2010)
1 Copa América (2004)
1 Copa Mercosul (1999)
1 Copa dos Campeões Regionais (2001)
5 Campeonatos italianos (2005/2006, 2006/2007, 2007/2008, 2008/2009, 2009/2010)
3 Taças de Itália (2005/2006, 2009/2010, 2010/2011)
4 Supertaças de Itália (2005, 2006, 2008, 2010)
4 Campeonatos Cariocas (1999, 2000, 2001, 2004)




Qual é a vossa opinião acerca deste grande jogador? Júlio César conseguirá relançar a carreira no Estádio da Luz? Comentem. 

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Dupla traição; Azulão e verdinho; O show que faltava. 

   

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Zahovic tramou o leão de Marco Silva

NK Maribor vs FC Sporting (Lusa)

NK MARIBOR 1-1 SPORTING CP
(Luka Zahovic 90'+1; Nani 80')

Hoje, no Estádio Ljudski VRT, o Sporting CP empatou com os eslovenos do NK Maribor (1-1) e manteve tudo em aberto no grupo da UEFA Champions League. O destaque desta partida vai, claramente, para o grande golo marcado por Nani e para a exibição razoável do Sporting CP. 


GOLOS

80' - SPORTING CP: Golo de Nani - Num remate de longa distância, o extremo português disfere um remate potente que não dá qualquer hipótese a Jasmin Handanovic. Estava feito o 0-1.  

90'+1 - NK MARIBOR: Golo de Luka Zahovic - Num erro defensivo, devido à falta de experiência de Maurício e Sarr na "Champions", o filho de Zlatko Zahovic aproveito e fez um "chapéu" a Rui Patrício, de cabeça, fazendo o 1-1 final. 


DESTAQUES

Luka Zahovic - Em pouco tempo mostrou que tem "pinta" de craque. 

Tavares - Muito lento em campo. Assustou muito pouco. 

Jasmin Handanovic - O veterano guarda-redes evitou uma goleada em casa. 

Nani - Marcou um grande golo e merecia, sem dúvida, a vitória. 

Rui Patrício - Não teve qualquer culpa no golo sofrido. 

Maurício/Naby Sarr - São bons defesas-centrais, mas inexperiência traiu-os em campo. 



Homem do jogo da parte do NK Maribor: Luka Zahovic 
Homem do jogo da parte do Sporting CP: Nani

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Incrível; Luta inglória; Terrores antigos. 

   

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Benfica cai aos pés de Hulk

Benfica vs. Zenit (Lusa)

SL BENFICA 0-2 ZENIT 
(Hulk 5' e Axel Witsel 22') 

Hoje, no Estádio da Luz, o Benfica recebeu e acabou por perder por 0-2 com o Zenit S.Petersburgo, que é treinado pelo técnico português André Villas-Boas. O destaque desta partida vai, claramente, para o golaço de Hulk, para a expulsão de Artur Moraes e para o golo polémico do belga Axel Witsel. 


GOLOS

5'- ZENIT S.PETERSBURGO: Golo de Hulk - Depois de ser isolado, com um excelente passe de Oleg Shatov, o avançado brasileiro atirou por cima de Artur Moraes e fez a bola entrar na baliza "encarnada". Estava feito o 0-1. 

22' - ZENIT S.PETERSBURGO: Golo de Axel Witsel - Na sequência de um canto da equipa russa, o médio belga cabeceia a bola e Paulo Lopes defende a bola, mas esta já estava para lá da linha de golo, fazendo o 0-2 final. 


DESTAQUES

Hulk - O brasileiro foi uma autêntica "dor de cabeça" para a defesa do Benfica. 

Axel Witsel - O médio belga "espetou uma faca" na equipa "encarnada". 

Lodygin - O guardião do Zenit defendeu tudo o que lhe apareceu pela frente.   

Artur Moraes - O guarda-redes brasileiro teve culpa na sua expulsão. 

Lima - Pouco se viu do avançado brasileiro. 

Salvio - Dos poucos que conseguiu animar o jogo "encarnado". 



Homem do jogo da parte do SL Benfica: Salvio 
Homem do jogo da parte do Zenit S.Petersburgo: Hulk   

Lembram-se? - #24

CRISTIANO RONALDO
Cristiano Ronaldo - Nacional da Madeira

Cristiano Ronaldo - Sporting CP

Cristiano Ronaldo - Manchester United

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Hoje não há amigos; Confronto de amigos; Julen Lopetegui: "Estamos no bom caminho". 

  

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Dragão travado; Rodrigo: "Benfica tem grande margem de progressão"; Fuga anulada. 

  

domingo, 14 de setembro de 2014

Dragão escorrega em Guimarães

Vitória de Guimarães vs FC Porto (Lusa)

VIT.GUIMARÃES 1-1 FC PORTO
 (Bernard 69' (GP); Jackson Martínez 61' (GP))

Hoje, no Estádio D.Afonso Henriques, o FC Porto não conseguiu derrotar o Vitória de Guimarães e escorregou no no campo "vimaranense" ao empatar (1-1) com a equipa da casa. O destaque desta partida vai, claramente, para a exibição razoável do árbitro Paulo Baptista e para a grande exibição do Vitória de Guimarães.    


GOLOS

61' - FC PORTO: Penalti marcado por Jackson Martínez - Na marcação do castigo máximo, o avançado colombiano faz a paradinha e atira para o lado direito, enganando Douglas. Estava feito o 0-1. 

69' - VITÓRIA DE GUIMARÃES: Penalti marcado por Bernard - Na conversão da grande penalidade, o avançado ganês, de 19 anos, mandou uma "bomba" para a baliza de Fabiano Freitas, fazendo o 1-1 final. 


DESTAQUES

Bernard - Este jovem prodígio vai dar muito que falar durante toda a época.  

João Afonso - Veio do Benfica de Castelo Branco e mostrou que os bons jogadores também podem ser baratos. 

Douglas - Defendeu tudo o que podia menos o penalti de Jackson Martínez.  

Gui - Este jogador também irá dar muito que falar durante a temporada.  

Brahimi - Foi o único jogador que sobressaiu no FC Porto. 

Jackson Martínez - Marcou o golo do FC Porto de penalti, mas tem a cabeça noutro lado. 



Homem do jogo da parte do Vit.Guimarães: Bernard 
Homem do jogo da parte do FC Porto: Yacine Brahimi 

Lapidar - #15


José Mourinho: «I am a Special One»

Qual é a vossa opinião acerca desta frase mítica que foi proferida por José Mourinho, em 2004, na apresentação como novo treinador do Chelsea, sucedendo a Claudio Ranieri? Comentem.  

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Leão ficou azul; Leão sem instinto matador; Ataque de nervos.  

   

sábado, 13 de setembro de 2014

Sporting empata e Belenenses continua sem conseguir vencer em Alvalade

Sporting vs Belenenses (Lusa) 

SPORTING CP 1-1 BELENENSES
(André Carrillo 35'; Deyverson 28')

Hoje, no Estádio de Alvalade, o Sporting CP empatou (1-1) com o Belenenses num jogo de nervos, tanto dentro como fora do campo. O destaque desta partida vai, claramente, para a boa exibição das duas equipas e do guarda-redes inglês Matt Jones. 


GOLOS

28' - BELENENSES: Golo de Deyverson - Num cruzamento de Filipe Ferreira, no lado esquerdo, a bola atravessa a grande área dos "leões", esta chega a Nélson e este cruza para o ponta-de-lança brasileiro, que cabeceia para a baliza defendida por Rui Patrício. Estava feito o 0-1.   

35' - SPORTING CP: Golo de André Carrillo - Num mau passe do "veterano" Bruno China, o extremo peruano aparece isolado e ficou à frente de Matt Jones e finalizou com toda a calma do mundo, fazendo o 1-1 final.   


DESTAQUES

André Carrillo - Depois de marcar o golo, começou a jogar melhor até ser substituído.   

Nani - Conseguiu fazer uma exibição bem conseguida. 

Rui Patrício - Sem culpas no golo sofrido, visto que não tinha hipóteses de defesa. 

Fredy Montero - El Avioncito entrou tarde e não conseguiu mudar grande coisa. 

Matt Jones - Claramente é o homem do jogo pelo que fez esta noite.

Deyverson - Marcou o golo do Belenenses e esteve sempre em ação. 

Bruno China - Este jogador é dos piores do campeonato português.



Homem do jogo da parte do Sporting CP: André Carrillo 
Homem do jogo da parte do Belenenses: Matt Jones  

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Grandes Lendas: Rogério Ceni


É um dos melhores guarda-redes brasileiros que passou pelo Brasileirão e deixa a sua marca e uma pesada herança para o seu sucessor no São Paulo. Especialista na marcação de livres diretos e grandes penalidades, este grande guarda-redes marca milhares e milhares de golos que põem em delírio os adeptos do São Paulo. Caros leitores, apresento-vos o Rogério Ceni.  


"NASCIMENTO" NO SÃO PAULO 
Rogério Mücke Ceni nasceu no dia 22 de Janeiro de 1973 na cidade brasileira de Pato Branco, no Brasil. Na época 1990, Rogério Ceni entrou para as camadas jovens do São Paulo, onde permaneceu durante três épocas (1990, 1991, 1992). Na temporada seguinte, em 1993, Rogério Ceni conseguiu chegar à equipa principal do São Paulo e por lá se manteve durante muito tempo. No Estádio Morumbi, Rogério Ceni jogou ao lado de craques como, por exemplo, Xandão, Claudio Maldonado, Júlio Baptista, Éder Luís, Dagoberto ou Hernanes. Ao serviço do São Paulo, até ao momento, Rogério Ceni disputou, na totalidade, 1160 jogos e apontou cerca de 117 golos, tendo ganho 1 Mundial de Clubes, 1 Taça Intercontinental, 1 Supercopa Libertadores, 1 Copa Conmebol, 3 Ligas brasileiras e 3 Torneios Paulistas A1. Atualmente, com 41 anos, Rogério Ceni continua a jogar e a marcar no São Paulo.  







POUCA SORTE NO "ESCRETE"
Se ao serviço do São Paulo, Rogério Ceni tem uma carreira brilhante, ao serviço do Brasil e já não é bem assim. Pela Seleção do Brasil, Rogério Ceni registou, apenas, 17 internacionalizações e não marcou qualquer golo, tendo marcado presença nos Campeonatos do Mundo de 2002 (Coreia do Sul/Japão) e de 2006 (Alemanha), na Taça das Confederações de 1997 e na fase de qualificação para o Mundial de 2002. A nível individual, Rogério Ceni considerado o Craque do Brasileirão por duas vezes (2006, 2007), Craque do Brasileirão no que diz respeito aos guarda-redes por duas vezes em primeiro (2006, 2007) e outras duas vezes em segundo lugar (2005, 2008) e foi Bola de Prata na Seleção do Brasil por seis vezes (2000, 2003, 2004, 2006, 2007, 2008).  








Qual é a vossa opinião acerca deste magnífico guarda-redes? Continua com idade para continuar a jogar? Como poderia ter sido a sua carreira se tivesse vindo para a Europa? Comentem. 

Jornais de Hoje

Títulos de hoje: Jonas já assinou; Bento pediu para sair; Lucho González: "Voltou o FC Porto que se impõe".