quarta-feira, 19 de abril de 2017

Olheiro: SL Benfica

Hoje na rúbrica Olheiro vai ser analisada a equipa do Sport Lisboa e Benfica que se irá deslocar ao Estádio de Alvalade para defrontar o seu arquirrival Sporting Clube de Portugal. Para este jogo, Rui Vitória, à semelhança de Jorge Jesus, também não deverá fazer grandes mexidas no onze titular, a não ser a inclusão de Rafa Silva de início. Este mesmo jogo também será diferente para o peruano Andre Carrillo, visto que o jovem extremo regressará a um estádio que bem conhece, mesmo depois de ter deixado o clube leonino de uma forma muito polémica. Mas vamos por partes. 
Na baliza, o Sport Lisboa e Benfica irá contar, quase de certeza, com o brasileiro Ederson Moraes e o quarteto defensivo será constituído por Nélson Semedo no lado direito e por Alex Grimaldo no lado esquerdo, sendo que a dupla de defesas-centrais será formada por Luisão e por Victor Lindelöf. 
Logo a seguir, no meio-campo, o conjunto encarnado, treinado por Rui Vitória, contará com dois jogadores nessa zona nevrálgica do terreno de jogo, onde o sérvio Ljubomir Fejsa desempenhará a função de médio-defensivo, enquanto que o português Pizzi terá que desempenhar a função na posição 8. Nos dois flancos, o Sport Lisboa e Benfica irá contar com o argentino Eduardo Toto Salvio no lado direito e no lado esquerdo poderá jogar o internacional português Rafa Silva, de forma a darem profundidade ao ataque e apoiarem os dois jogadores que estarão na frente de ataque. Ainda assim, Rui Vitória nessa posição ainda tem à sua disposição jogadores como o peruano Andre Carrillo e o sérvio Andrija Zivkovic, apesar de que o próprio Pizzi também poderá jogar como extremo.
Por fim, no ataque, o Sport Lisboa e Benfica irá, de certeza, jogar com a dupla que tem jogado a grande maioria dos jogos nesta reta final do campeonato português: Jonas e Kostas Mitroglou. O avançado brasileiro irá desempenhar uma função de segundo avançado, jogando nas costas do ponta-de-lança grego, que é perito em aparecer nestes grandes jogos. Ainda assim, Rui Vitória poderá optar por colocar o português Rafa Silva a jogar como segundo avançado no apoio ao grego Kostas Mitroglou. No que toca ao duelo de bancos, Rui Vitória irá procurar a terceira vitória sobre Jorge Jesus, em duas épocas, e tudo fará para conseguir alcançar esse feito, sabendo que este jogo é fundamental para manter a liderança do campeonato, mas também sabe que o Sporting está interessado em conseguir chegar ao segundo lugar que dá acesso direto à fase de grupos da UEFA Champions League. Esperemos que seja um bom jogo e que o árbitro, seja ele quem for, não seja a figura do jogo e que passe ao lado do mesmo. Num grande jogo, como este, tem de se falar de tudo, menos do senhor do apito. Que o espetáculo comece...    


Qual é a vossa opinião acerca deste onze do Benfica aqui lançado? Rui Vitória apresentará um onze parecido com este? Comentem. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Podem comentar á vontade e cada um pode expressar a sua opinião, mas aviso já que não aceito comentários insultuosos contribuindo para o bom funcionamento da caixa de comentários e para debater opiniões sobre as notícias colocadas no blog.
Por fim, peço também aos "anónimos" que assinem o seu nome/nick no final dos seus comentários de modo a facilitar a comunicação entre os leitores e o autor do blog.