Avançar para o conteúdo principal

Stewart Downing: a alma de um clube

Há jogadores de futebol que defendem um clube durante toda uma carreira no mundo do futebol como foram os casos, por exemplo, de Carles Puyol, Paolo Maldini, Steven Gerrard ou Marco Materazzi. Mas há um jogador em particular que nos vem à cabeça quando referimos o nome do Middlesbrough: Stewart Downing. 
Este grande jogador inglês foi sempre a alma do clube de Riverside Stadium, mesmo após ter andado pelo Sunderland, Liverpool, Aston Villa ou West Ham. Stewart Downing é a alma do Middlesbrough e sem ele este clube do Norte de Inglaterra não é a mesma coisa. Esta equipa do Middlesbrough pode ter muitos bons jogadores, como Adama Traoré, Gastón Ramírez, Álvaro Negredo ou Victor Valdés, mas se o eterno capitão não estiver em campo, o Boro não é a mesma coisa no relvado. Stewart Downing, quando está em campo, com a camisola do seu Middlesbrough, todo o jogo da equipa passa pelos seus pés e o esférico sai sempre "redondinho" para os próprios colegas de equipa. Um treinador que possa contar com um Stewart Downing é excelentes condições, conta com um jogador de tremenda qualidade que sabe o que é vestir a camisola do Boro. Mesmo tendo 32 anos de idade, Stewart Downing ainda está aí para as "curvas" e só um abaixamento de forma é que o poderá tirar da equipa titular do Middlesbrough, já que o eterno capitão é a alma deste clube britânico. Um Middlesbrough sem Stewart Downing é como Paris sem a Torre Eiffel ou Roma sem o Coliseu. Downing, quando "pendurar as botas", será lembrado como o enorme futebolista que "deu a vida" pelo Middlesbrough e face à qualidade que apresenta nos relvados, quando entra para jogar pelo Boro, é pena que tenha, apenas, 35 internacionalizações pela Seleção de Inglaterra. Stewart Downing foi, é e sempre será a alma do clube que habita no Riverside Stadium. Jogadores como ele já existem muito poucos no futebol inglês. Stewart Downing é um exemplo para os mais novos e para os querem seguir uma carreira no mundo do futebol.               

Comentários

Mensagens populares deste blogue

O que é feito de... Jeffren Suárez

Chegou a ser considerado com uma das maiores jovens promessas que saíram da cantera de La Masía, mas nunca conseguiu mostrar a 100% todo o potencial que lhe era atribuído por todos os adeptos de futebol. Dono de uma boa capacidade de finalização, este jogador possui também uma boa capacidade de drible, tem uma capacidade técnica um pouco acima da média, tem um excelente poder de explosão a partir das alas e é um jogador bastante veloz, utilizando a sua velocidade para causar estragos nas equipas adversárias. Passou por Espanha e Portugal, mas faltou-lhe aquela estrelinha para poder vingar a 100% nos clubes por onde passou. O seu nome é Jeffren Suárez.

INÍCIO PROMETEDOR EM LA MASÍA Nascido no dia 20 de Janeiro de 1988, na cidade venezuelana de Ciudad Bolívar,Jeffren Isaac Suárez Bermúdez deu início à sua carreira de futebolista profissional, na época de 2004/2005, quando integrou as camadas jovens do Barcelona, privando com jovens craques como, por exemplo, Pedro Rodríguez. Na temporada…

Lucas Perri colocado na rota do Sporting

De acordo com o jornal desportivo português A Bola, Lucas Perri, jovem guarda-redes brasileiro, de 20 anos de idade, que representa o São Paulo, está na mira do Sporting Clube de Portugal para reforçar o clube verde e branco na próxima temporada. Ainda de acordo com o mesmo diário desportivo nacional, além do clube de Alvalade, há mais três equipas europeias interessadas em contratar este jovem guarda-redes sul-americano, que é conhecido no futebol brasileiro como o novo Alisson Becker: Nápoles, AS Roma e Celta de Vigo. De referir ainda que Lucas Perri, que passou ainda pelo Ponte Preta, é considerado como uma das maiores jovens promessas do futebol canarinho

Qual é a vossa opinião acerca desta notícia? Lucas Perri poderia ser uma excelente contratação para o Sporting? Comentem.

Jubal na mira de alguns clubes portugueses

Tem qualidade para chegar a qualquer um dos três grandes? Desde que chegou ao futebol português, à duas temporadas, para jogar no Arouca, o defesa-central brasileiro evoluiu de forma muito positiva e, em Guimarães, tem sido um peça fundamental, quer para José Peseiro, quer para Pedro Martins, quando este passou pela Cidade-Berço.Ainda assim, não seria descabido se algum clube estrangeiro se antecipasse e viesse buscar este excelente jogador. 
De acordo com o jornal desportivo português O Jogo, Jubal Júnior, defesa-central brasileiro, de 24 anos de idade, que representa atualmente o Vitória de Guimarães, por empréstimo do Arouca, está a realizar uma temporada muito boa em Guimarães e o clube vimaranense poderá exercer a opção de compra do defesa canarinho. Ainda de acordo com o mesmo diário desportivo nacional, o Vitória de Guimarães pretende ficar com o jogador, em definitivo, e o clube vimaranense e o Arouca irão discutir uma eventual transferência para o Minho, tendo em conta que ex…